ESTUDOS ITB
Carência dos serviços de saneamento básico reflete na remuneração das mulheres em suas atividades econômicas

Estudo do ITB aponta as diferenças do acesso do saneamento para mulheres que vivem com e sem essa infraestrutura No mês de maio, o Instituto Trata Brasil e a EX Ante Consultoria Econômica, em parceria com a BRK Ambiental e apoio da Rede Brasil do Pacto Global, divulgaram a segunda edição do estudo “O Saneamento e a Vida da Mulher Brasileira”. Segundo dados do IBGE 2019, a população feminina n...

2022
Redução das perdas de água potável poderia resultar em ganhos de R$ 26,4 bilhões até 2034

Redução das perdas de água potável poderia resultar em ganhos de R$ 26,4 bilhões até  2034 Estudo do ITB considerou três cenários de ganhos com a melhoria no índice de perdas No Brasil, aproximadamente 35 milhões de brasileiros não têm acesso à água tratada nem sequer para lavar as mãos. Enquanto isso, 40,1% da água é perdida antes mesmo de chegar à casa das pessoas. A partir deste cenário, ...

2022
Brasil apresenta perdas de água potável maior do que Bolívia, Panamá e Peru

Estudo do Trata Brasil aponta que o país perde volume equivalente a 7,8 mil piscinas olímpicas de água tratada No dia 1 de junho, o Instituto Trata Brasil divulgou o estudo “Perdas de Água Potável 2022 (SNIS ano base 2020): Desafios para Disponibilidade Hídrica e Avanço da Eficiência do Saneamento Básico no Brasil”. O relatório foi feito com parceria institucional da Asfamas (Associação Brasil...

2022
Brasil desperdiça diariamente um volume de 7,8 mil piscinas olímpicas de água tratada, aponta novo estudo do ITB

A quantidade de água perdida nos sistemas de distribuição poderia atender mais de 66 milhões de brasileiros Neste dia 1 de junho, o Instituto Trata Brasil em parceria institucional com a Asfamas e a Water.org, com elaboração da consultoria GO Associados lança o estudo “Perdas de água potável (2022, ano base 2020): Desafios para disponibilidade hídrica e avanço da eficiência do saneamento bási...

2022
Santos figura pela terceira vez consecutiva em 1º lugar no Ranking do Saneamento

De acordo com dados do ITB, a cidade santista investiu aproximadamente R$ 32 milhões em saneamento básico no ano de 2020 Com aproximadamente 435 mil habitantes, o município de Santos aparece na 1ª posição do Ranking do Saneamento 2022, assim como foi nas duas últimas edições do estudo. Para ranquear as 100 maiores cidades do país, o relatório faz uma análise dos indicadores do Sistema Nacional...

2022
Ranking do Saneamento: 29 cidades abastecem 100% da população com água potável

Segundo o estudo, 90 dos 100 munícipios possuem atendimento total de água maior ou igual que 80% O Ranking do Saneamento 2022 analisa os indicadores de saneamento dos 100 maiores municípios do país disponíveis no Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS). Um dos principais coeficientes para a universalização do saneamento básico é indicador de atendimento total de água potável, d...

2022
Mais de 26 milhões de mulheres foram afastadas de seus trabalhos por doenças de veiculação hídrica

Mais de 26 milhões de mulheres foram afastadas de seus trabalhos por doenças de veiculação hídrica Dados de 2019 da Pesquisa Nacional de Saúde, presentes no estudo do ITB, mostram impacto da ausência de saneamento na vida da população feminina A segunda edição do estudo  “O Saneamento e a Vida da Mulher Brasileira” realizado pelo Instituto Trata Brasil junto a EX Ante Consultoria Econômica,...

2022
Estudo do ITB analisa o impacto do saneamento básico na vida da mulher brasileira

Nesta segunda edição do estudo, foi feita uma análise inédita relacionada a pobreza menstrual Nesta última quarta-feira, 04 de maio, o Instituto Trata Brasil e a EX Ante Consultoria Econômica, em parceria com a BRK Ambiental e apoio da Rede Brasil do Pacto Global, divulgaram a segunda edição do estudo “O Saneamento e a Vida da Mulher Brasileira”. Não obstante aos quase 100 milhões de brasileir...

2022

NEWSLETTER

CONTATO

(11) 3021-3143