Por que os brasileiros ainda não reconhecem o valor do saneamento?

valor do saneamento  

O valor do Saneamento básico

Saneamento Básico: O termo pode ser muito conhecido, mas nem todos têm consciência do que ele significa.

A pesquisa ?Percepções sobre Saneamento Básico?, desenvolvida pelo Instituto Trata Brasil em parceria com o IBOPE há alguns anos, revelou que mais de 30% da população brasileira sequer sabe o que é saneamento e 29% afirmaram não saber para onde vão os esgotos.

A pesquisa também mostrou que 58% dos entrevistados acham caro o valor cobrado pela água e coleta de esgoto em relação à qualidade do serviço prestado.

Dos que ainda não têm acesso a coleta, 50% dos entrevistados afirmaram que não pagariam para ter seus esgotos ligados à rede.

O problema é que a melhoria e o valor do saneamento básico só poderá ocorrer se houver participação de toda a sociedade.

Enquanto o poder público e o setor privado têm o dever de investir em melhorias constantes para alcançar a universalização do saneamento, a população deve estar disposta a receber estes serviços e, ainda mais, a cobrar estes recursos básicos de seus representantes políticos.

Mas falta informação. Falta mostrar o real valor do saneamento básico.

Por isso, é tão importante conscientizar e informar às pessoas sobre o saneamento básico e seus impactos nas mais diversas áreas da vida, como saúde, educação e cidadania.

Mostrar como é importante economizar a água, saber para onde o esgoto está indo e saber como as ações de cada um podem impactar no meio ambiente e na qualidade de vida.

O tema pode e deve ser tratado com prioridade, para que seja uma preocupação de todos, em cada canto do país. Dessa forma, o saneamento poderá se desenvolver plenamente.

NEWSLETTER

CONTATO

(11) 3021-3143